Zumloiê (alma africana residente nas legiões de Gaya)



As tempestades vêm como brisas nos rostos dos filhos impetuosos e levianos diante da forma de viver com o corpo ainda recente na morada terrena. As dívidas nem começaram a ser pagas, nem serão, porque o agora não há lugar para lamentações de dívidas suspeitas de existência e veracidade. Com certeza seria mais fácil apegar-se a essas lamentações e seguir, mas a vida te dá a oportunidade de continuar com a jornada sem esse peso desnecessário. Nada será como antes, depois de ao menos ler essas palavras. Pode até querer fingir que nada sabe e apagar da sua memória falida, mas... Estarei sempre reforçando, letra por letra, no seu cotidiano, nas situações executadas e permitas para o seu aprendizado. Pode correr, se quiser, mas de logo garanto que não chegará muito longe, no máximo um passo para trás. Até parece que andas em círculos e ainda não percebeu que suas atitudes e inquietudes já não combinam com sua atual perspectiva de vida. Pode insistir e o problema será gerado para tão somente você. Pare e sinta verdadeiramente suas atitudes. Reflita e pare de dizer que não sabe o que está fazendo ou não se lembra das máculas que fazem parte da sua jornada. Francamente, comporte-se como pessoa madura e todas o reconhecerão como tal. Caso contrário, fique com seus medos mentirosos e com seus erros repetitivos, boa sorte.

Zumloiê (alma africana residente nas legiões de Gaya)


6 visualizações

Razão Social: Centro de Formação Espiritual Águas de Aruanda
CNPJ: 021.469.181/0001­70

End: Av. João José de Santana, 1216 - Robalo - CEP: 49005-050 
Aracaju - SE

  • Facebook Social Icon