Viva com devoção, intuição, verdade e amor incondicional



Não me importa o que aconteceu até o dia de ontem. O que estou valendo é do momento único que é o agora. As pessoas merecem o direito do perdão, de errarem, tropeçarem, de falar asneiras, às vezes. Dias de tempestades acontecerão, porque devem acontecer as tempestades. Todos os que estão nesse planeta, erram.

Se houver alguma energia de santidade, esta já desencarnou. Todos os que são envolvidos na carne, no osso e no sangue que corre nas veias, de cada avatar existencial, é dotado de possibilidades de erros.

A majestade da vida aqui encarnada está em saber lidar com o erro próprio, primeiramente, daí vem o autoconhecimento. Você mesmo conhecendo o que veio fazer aqui, quem você é. Muitas pessoas fingem viver e temem questionar quem realmente é o que efetivamente veio fazer aqui nesta existência. Tenho certeza de que não foi tão somente para comer, dormir, ganhar dinheiro e procriar, porque Deus, dentro da inteligência Dele, jamais criaria seres humanos para tão pueris tarefas. Existe uma magnitude diante do empreendido em cada pessoa. Lamentável que os seres humanos perambulam na vida, caem, tropeçam, rastejam-se, mas não têm a dignidade de assumir os erros, as imposturas, as intempéries da mente, as invejas, raivas, ódios, e serem suficiente verdadeiros com o companheiro ou companheira.

Não tenham medo de dizer ao outro que estão verdadeiramente revestidos em um sentimento que acendeu a sombra. Peçam a ajuda para voltar para a luz, sem apontamentos de quem partiu o erro. Lembrem-se da unicidade. Diante da situação apresentada, é algo mal resolvido, colocado nas gavetas da vida, com medo das respostas que poderiam vir.

A verdade deve sempre prevalecer, porque vocês são dotados da devoção, o saber que existe com uma inteligência cósmica que aprofunda cada vez mais as consciências dos seres humanos para aqueles que abrem as portas, para a chegada de tais evoluções. Não adianta falar em despertar da consciência se as portas continuam fechadas, apontando os dedos para toda e qualquer pessoa, mas nunca para sua responsabilidade, para seguir e olhar para o lado e ter a consciência que são os dois.

Aproveitem para falar sempre o que cada um tiver dentro do coração, para que essas tristezas, posturas, pedido de socorro, não esperem as ervas daninhas tomarem conta do seu coração. Com autovigilância e diante da devoção, o primeiro ensinamento cósmico existencial, vocês entenderão perfeitamente o que estou a dizer. Diante daintuição, prestem atenção nas falas que vêm dentro da mente de cada um. A mente é traiçoeira e a mesma mente pode furtá-los do caminho a seguir. A mesma mente faz você seguir o seu caminho com prosperidade e lucidez. E a mesma mente coloca você em situações ermas, em subjugações próprias, e faz perder toda uma trajetória existencial planejada para esta existência, para este plano, nesta capa que cada um está envolvido, por inconsequências e martírios corpóreos desnecessários.

A espiritualidade não é cobradora. Não reconheço nenhum tipo de espiritualidade cobradora. Afastem-se de espiritualidade cobradora porque isso é sombra disfarçada de luz. Porque espiritualidade quer verdade, sorrisos e amor no coração. E para ter amor no coração não precisa o autoflagelo. Prestem atenção sempre na intuição de vocês, à ancestralidade, voz que vem dentro da cabeça de cada um, não desejando que o outro seja do jeito que você quer, mas permitindo que o outro seja perfeitamente do jeito que ele é, estabelecendo-se o respeito, assim como você quer que o outro lhe respeite e juntos empreendam caminhadas, desfazendo-se de conceitos podres e equivocados, restabelecendo-se quantas vezes existenciais forem necessárias dentro dessa mesma carne.

Diante da força da verdade, aqui estabelecida, não escondam nada debaixo do tapete, por pequeno que seja o grão da inverdade, porque as mentiras são ilusões daninhas criadas pela mente. Diante das inverdades colocadas debaixo da esteira, do coração, do tapete, da mente, vai se alastrando um chorume tão fétido que ninguém existencialmente é capaz de suportar. Não espere que a força da verdade coloque vocês prostrados diante de doenças mentais de qualquer espécie, fraquezas mentais ou verdadeiros colapsos mentais. Não esperem que a força daverdade imponha doenças corpóreas, dilacerando seus corpos para imputar uma dor, para buscar uma reverência diante da força maior que existe.

Prostre-se diante da sua própria força, do Deus que habita em você. Pare de pensar que um homem sobrenatural resolverá todos os seus problemas e arrancará todas as dores da sua alma. Preguiça? Prostrem-se como verdadeiras pessoas dotadas de ser humano. Habituem-se em estar nos seus devidos lugares, fazendo os seus propósitos, sem regalias, sem molezas, porque ninguém veio aqui para uma vida fácil.

Todas as almas do planeta terra são exiladas de suas moradas, para buscar neste planeta de transição apoio existencial para retornarem e empreender em suas moradas, porque acessaram em outrora sentimentos e energias ermas e foram direcionadas para o planeta terra em exílio para aprendizado. Verdade sempre, porque não existe inverdade que não seja desmascarada. A própria infelicidade existencial, a própria dor na alma que não cessa, já é o preço da mentira, em viver na mentira. A própria dor que nenhum remédio projetado em farmácia neste planeta terra é capaz de resolver, porque a dor é na alma; e para dor na alma nada melhor do que se banhar em verdade, assumindo o protagonismo das suas próprias vidas, como senhores do próprio destino, não entregando o destino para nenhum líder espiritual a salvação nem a felicidade. A pessoa dotada de um caminho reto na verdade pode ser colocada em várias situações desafiadoras, mas com o discurso da verdade nada atingirá.

Estejam diante do amor incondicional, não do amor do apaixonamento. O amor incondicional é aquele amor que transborda. É aquele amor que vai muito além de marido e mulher, aquele amor de companheiros, porque muitas forças vêm para tentar destruir criaturas que se alicerçam com bravura, para potencializar e ativar outras pessoas em relacionamentos íntimos, em relacionamentos de amizade e de sociedades espirituais, mas não por culpa dessas forças, porque elas devem existir, as sombras e o mal devem existir para que cada um faça a reflexão para saber se é no bem que está a viver.

Que Deus é esse que te machuca. Que Deus é esse que causa dor na sua alma. Não é Deus. Cada figura é responsável por suas próprias atitudes, comportamentos e palavras. Invoque a força de Deus, mas sem ser leviano, ao ponto de pedir que Deus resolva a sua vida e retire todas as dores da sua alma. Faça a sua parte e deixe que Deus entre em seu coração. A sua porta está fechada. Não importa em qual instituição o Deus é invocado. O Deus é único porque é uma única energia. Saiam das mentalizações que engessam e partam para o enfrentamento próprio. Você diante de você mesmo. Coloque-se diante do espelho e enxerque em qual criatura você se tornou. Tenha coragem de olhar nos próprios olhos, diariamente, para verificar sempre se não houve nenhum desvio da existência, se não está havendo uma subjugação, que exige uma impostura tomando conta da sua mente, comandado por outros que você permitiu ser comandado. O amor incondicional está primeiramente para consigo, amar-se, abraçar-se, amar-se verdadeiramente, para poder distribuir, compartilhar com os demais, quer seja descendente físico ou do coração espiritualmente, porque nem todos vêm para empreender filhos da carne, mas muitos vêm para empreender filhos do coração. Filhos da alma. Nascidos da força magnética e projetados como tentáculos energéticos. O amor incondicional é uma força leve que acalenta os corações, desde que cada um esteja com a porta aberta.


10 visualizações

Razão Social: Centro de Formação Espiritual Águas de Aruanda
CNPJ: 021.469.181/0001­70

End: Av. João José de Santana, 1216 - Robalo - CEP: 49005-050 
Aracaju - SE

  • Facebook Social Icon