NADA É, TUDO ESTÁ



Bem-aventurado aquele que possui cicatrizes, porque são vencedores de grandes batalhas internas e externas.

Aquele que decide ver para crer, na realidade escolhe uma prisão existencial muito forte, buscando sempre justificativas, materialismos palpáveis, pra não dizer quem efetivamente a pessoa é.

Lanço um desafio. Se vocês perdessem tudo de material que vocês possuem, o que ficaria dentro de vocês? O que vocês seriam sem o material já conseguido?

As coisas são muito relativas, voláteis e é por isso que a grande espiritualidade sempre diz: Pratiquem diariamente o desapego de coisas e pessoas, afinal, nada é. Tudo está.

Os antigos faraós levavam na morte as riquezas, espalhadas na tumba, imaginando terem seus lugares garantidos diante do paraíso. Todos sabem que isso não é verdade. Os valores morais e comportamentais, as verdades empreendidas nesta existência, nesta experiência do espírito, são muito mais do que esses bens. O que você é de verdade vale muito mais. O que você decide ousar, empreender, é muito mais.

As palavras feridas agem como lanças provocativas e feridas na alma. Quando chegam os processos obsessivos, do martírio de não se achar merecedora, inicia-se a robotização dos comportamentos e as pessoas agem de forma impensada, mesmo diante das suas escolhas. Não há consciência do que está fazendo.

O planeta tem uma oportunidade diária de fazer sua rotação. Então se dediquem a aprender os ciclos de suas vidas. Momentos mais emotivos, momentos com mais bravura, momentos mais dedicados ao estudo, momentos para empreender o que efetivamente você quer, sem esconder o propósito efetivo.

As pessoas seguem os trilhos como se o amanhã fosse um destino determinante. Mas se o amanhã não chegar? Se forem hoje para casa dormir e não acordarem mais? O que você deixou para amanhã, cairá como uma frustração e aí vêm os espíritos nas mesas mediúnicas que gritam com a dor na alma, por arrependimentos fortes, por aquilo que não fizeram. Arrependimentos e frustrações por fazerem algo que o coração, a alma, já sabia o que efetivamente deveria fazer, mas o corpo não seguiu o mesmo comando que a alma queria.

Não esperem se tornarem espíritos frustrados, chorosos por novas oportunidades. A oportunidade é agora. Faça o diferente agora. Busque a cura agora. Diminua as suas culpas por algo que no passado você deixaou de fazer. Aprenda com essas cicatrizes e faça agora, de forma mais lúcida, sensata e eficaz.

Este momento que você está vivendo é único. Quem está aqui vivendo nesse plano é porque deveria estar. Este momento é único e jamais se repetirá. Vejam como os momentos e os encontros são únicos. Aproveitem!

Olhem nos olhos de quem está próximo de você. Olhem nos olhos de quem lhe pede uma esmola, pois em muitos momentos essa pessoa precisa apenas de um olhar, para que ele se sinta humano e não um lixo da sociedade. Não olhe com piedade, mas com sinceridade, com se falasse: - eu te enxergo. Eu reconheço a tua existência. Não precisa me ameaçar e coagir para que eu te enxergue.

Confiem mais em vocês. Olhem no espelho e se enxerguem. Às vezes a caminhada pode parecer enfadonha. As buscas espirituais devem ser intermináveis. O ser humano tem a necessidade de amar-se. A pessoa que segue uma fé repetitiva por ouvir dizer e ler algo que o outro escreveu sem ponderar vive de forma robotizada.

Não precisa que vocês digam quais são as suas dores, os pecados, os sofrimentos. Cada um conhece melhor. Cada um sabe onde dói. Aqui vocês recebem a ponte. Basta que cada um atravesse. Os abismos que foram costurados em cada um de vocês.

Esta experiência de vida é única. Por mais que vocês acessem vidas passadas, vocês estão nesta experiência agora. Sejam os melhores agora. Façam o melhor agora. Não esperem para novas oportunidades do amanhã. Sejam melhores todos os dias, superando a cada dia. Superem-se.

A todos paz e reflexão na construção da verdade de cada um.

Pai Damião

Águas de Aruanda

09 de janeiro de 2017


21 visualizações

Razão Social: Centro de Formação Espiritual Águas de Aruanda
CNPJ: 021.469.181/0001­70

End: Av. João José de Santana, 1216 - Robalo - CEP: 49005-050 
Aracaju - SE

  • Facebook Social Icon