Abra a porta para Deus



Certa feita existia um carpinteiro que desejava repousar na morada de Deus e era uma época em que o Messias estava a visitar vários vilarejos. Então, em uma noite de lua cheia esse humilde carpinteiro solicitou que Deus visitasse a sua morada, para que as dores da alma, do coração, para sua família que estava adoentada, pudesse receber as curas necessárias e merecidas.

Ao amanhecer, quando o carpinteiro abriu a porta, observou que existia um mendigo deitado e logo pediu que o mesmo saísse da entrada de sua residência, porque talvez o Messias naquele dia pudesse visitá-lo, e o mendigo ainda solicitou: “ - Mata a minha fome!”; mas o carpinteiro estava tão obstinado que somente mandou ele sair.

No outro dia, ainda frustrado, diante da não resposta de Deus para a visita do Messias, o carpinteiro recebeu na porta de sua casa, já no final da tarde, uma mulher com os filhos, solicitando um abrigo, nem que fosse na sala principal, só naquela noite, pois estava chovendo e os filhos estavam tremendo de frio e molhados. E o carpinteiro mais uma vez disse não, porque Deus enviaria o Messias para visitar a casa dele e disse à mulher: “Em minha casa não tem lugar para você porque estou à espera do Messias”, e a mulher muito triste saiu com os filhos em busca de outro lar.

Foi então que no dia seguinte um clarão invadiu o quarto do carpinteiro, antes mesmo de amanhecer, e aí um anjo falou: “- Homem, o Messias tentou entrar em sua morada por duas vezes, e você negou. Aquele mendigo queria sentar à sua mesa para partilhar do mesmo pão que Deus te enviou e você não quis. Aquela mulher era a manifestação de Deus para entrar na sua morada e você negou uma pernoite a Deus. Como ousa pedir que o Messias entre em sua casa, se você não consegue traduzir os lábios dos anjos que batem à sua porta? Homem, atente-se aos sinais! O Messias és vós, porque Deus habita infinitamente dentro de você e todas as manifestações que batem à sua porta emocional, sentimental, material, espiritual, todos os dias, são fagulhas de Deus para complementar aquilo que já tem dentro de você.”

Por isso, caríssimos, com essa pequena história e ao mesmo tempo tão profunda, confirmo a todos vocês que os anjos falam pelos lábios de pessoas em quem vocês menos acreditam. Atentem-se aos sinais, principalmente quando pedem uma resposta e Deus, na sua infinita amorosidade, entrega a resposta jogando várias pérolas. Os sábios interpreta como pérolas e os que estão ainda na preguiça da mente enxergam como pedras.

Então caríssimo, separe as pedras das pérolas e saberá a infinita força do amor de Deus distribuído na sua caminhada. Assim seja!

Pai Damião,

Águas de Aruanda, 26 de junho de 2017.


7 visualizações

Razão Social: Centro de Formação Espiritual Águas de Aruanda
CNPJ: 021.469.181/0001­70

End: Av. João José de Santana, 1216 - Robalo - CEP: 49005-050 
Aracaju - SE

  • Facebook Social Icon