• Águas de Aruanda

Glândula Pineal, Terceiro Olho, “Chips” e reações físicas (Pai Damião)



O terceiro olho está relacionado ao chacra frontal. Na realidade ele é reverberação da glândula pineal, que é um dispositivo tecnológico projetado no corpo físico, dispositivo assim como existem as pirâmides, assim como existem outros dispositivos plantados no planeta, assim como os cristais. É um dispositivo tecnológico projetado no corpo humano para conexão com Divino e planos de existência superiores, de consciência superior.

Muitas pessoas estão com dor ou incômodo no chacra frontal, no terceiro olho. Na realidade é um calibre que está sendo feito na glândula pineal e eu aconselho a essas pessoas que verifiquem quais são os alimentos que estão fazendo uso, diante de conservantes industrializados, diante de líquidos e bebidas com produtos químicos em demasia.

Faço então, um convite a uma reflexão. Como está a sua alimentação física? Não estou a falar aqui da sua alimentação espiritual. Observe como está a sua rotina. Verifique se você tem tempo para se alimentar com calma, com tranquilidade, em horários confortáveis para o seu corpo.

Muitas pessoas perguntam: Como fazer a conexão espiritual? Para isso o corpo precisa estar disponível para potencializar o alcance do espírito. O corpo humano estando em fragilidade, em convalescença, fica mais difícil esta conexão. Então a glândula pineal, dispositivo colocado no corpo físico de cada criatura na experiência humana precisa de calibragem, e assim está sendo feito com todos os seres humanos. Muitos estão sentindo tonturas, como se fosse crise de labirintite, mas é justificado, pelo movimento da glândula pineal e consequentemente faz conexão com os tímpanos. Forma-se assim, uma tríade, a forma de um triângulo, formando uma conexão com o chacra coronário, para o estabelecimento dessas idas às escolas iniciáticas, diante de projeções astrais e diante desses calibres muitos estão em sintonia com a espiritualidade.

Pode ser natural um esgotamento físico por conta da ressonância, do retorno do seu espírito diante das projeções de trabalho espiritual, diante dessas batalhas, diante das ordenanças.

Muitos já estão fazendo estágios em hospitais espirituais e quando retornam ao plano físico chegam com ideias surpreendentes, por isso é importante fazer orações antes de dormir, diante da sua guiança, e ao acordar reafirmar a oração. Muitas pessoas dormem e acordam de qualquer jeito, entregando o corpo físico e espiritual de qualquer jeito.

É muito importante o autoamor, essa auto-observação para consigo, para com o seu corpo e espírito, diante dessa robotização que se segue na vida, diante de uma sobrevivência e não diante de uma vivência.

Estamos diante de um momento que é muito importante a experimentação da vivência e não da sobrevivência. Muitos seres em experiência humana sobrevivem e não experimentam viver. Cada um fazendo a sua parte pode engrandecer em seus lugares de trabalho e fazer a diferença, sem justificativas e desculpas.

Dentro dessa estrutura do ser humano surgem os “chips”, que são pequenos dispositivos energéticos que muitas vezes podem estar inclusive materializados em seus corpos.

Então, algumas pessoas podem sentir algum caroço que na realidade pode não ser um caroço por conta do formato às vezes um pouco comprido, um pouco diferenciado, de um caroço tão somente colocado diante da aglutinação intercelular. Muitas vezes são dispositivos de manipulação.

Existem também alguns “chips” que são colocados como mecanismos tecnológicos espirituais, que são colocados principalmente como processo de cura, de salvaguardar o cumprimento do propósito espiritual, a depender de quem esteja em tratamento, mas também existem dispositivos energéticos colocados numa nomenclatura similar como um “chip” que muitas vezes segue na desorganização física e espiritual para impedir muitas vezes o cumprimento espiritual. Por exemplo, algumas pessoas adentram em promiscuidade sexual, então às vezes existem “chips”, dispositivos energéticos colocados nas genitálias ou em outro sistema do corpo, para que isso seja um mecanismo de desvio.

Geralmente os “chips” ou dispositivos energéticos, como vocês queiram chamar, são colocados em locais em que as pessoas já têm uma abertura diante de uma vulnerabilidade de consciência, ou seja, o “calcanhar de Aquiles”, o ponto fraco daquela pessoa, consciente ou inconscientemente, por meio dos seus comportamentos.

Dessa forma, é muito importante a autovigilância, orar e vigiar, diante dessa manifestação espiritual, dos tratamentos espirituais com seriedade, cada um fazendo a sua parte, para que esses dispositivos, caso sejam negativos, estejam soando em termos de manipulação, colocando as vezes memórias falsas dentro do cérebro físico, colocando recordações, lembranças falsas, apoderando-se ainda mais medo e potencializando este, dentro de aberturas que a pessoa já tem. É como se já tivesse uma doença pré-existente e aí então esse dispositivo vai aflorar a doença.

Orar e vigiar sempre, participar ativamente do tratamento espiritual e estabelecer conexão com a egrégora espiritual é muito importante. Quem acredita em banhos de ervas, manjericão com alfazema é um banho muito oportuno. Quem puder faça também o banho de anis-estrelado. Faz a fervura como se fosse fazer um chá e depois acrescenta mais água para um banho do pescoço para baixo, lavando o rosto. Então, são esses dois banhos que a espiritualidade vem recomendando que as pessoas façam regularmente, em seus lares, para ampliar seu campo energético, para potencializar uma proteção.

Pai Damião, 08 de abril de 2020.


Imagem: Internet

131 visualizações

Razão Social: Centro de Formação Espiritual Águas de Aruanda
CNPJ: 021.469.181/0001­70

End: Av. João José de Santana, 1216 - Robalo - CEP: 49005-050 
Aracaju - SE

  • Facebook Social Icon